segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

João Pulo e Daniel - Chovendo em meu olhar


Lá fora o sol está brilhando
Enquanto aqui está chovendo em meu olhar
Chuva que molha o coração
E deixa tudo alagado de chorar
Saudade é chuva que não passa
Quando a paixão é tempestade eternamente
Eu conto as horas pra te ver
Eu faço planos com você
Mas a verdade é que eu sou muito impaciente

E o coração reclama
E quer saber
O que eu fiz pra te perder
Pede pra pedir perdão
E o coração que sabe o que quer
Não aceita outra mulher
Não entende essa solidão

Vai coração,
Vai correndo atrás dela
Eu sei que ela está esperando
E quem sabe chorando
Por está paixão
Vai coração
Se entregue de uma vez pra ela
E mande embora a saudade dela
Que está machucando você coração

E o coração reclama...