quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Tião Carreiro e Pardinho - Meu protesto


Eu sei que não estou agindo certo
Mas tenho mil razões pra agir assim
Se saio no comecinho da noite
Só volto quando a noite chega ao fim
Meu bem eu não lhe tiro o seu direito
De achar que sou errado e mesquinho
Se fui um bom marido em outros tempos
Foi quando eu fui tratado com carinho

Eu sei que é muito tarde mais lhe peço
Não me condene por estar chegando agora
A falta de amor aqui em casa
É que me obriga procurar amor lá fora

Já houve um tempo lindo em nossas vidas
Que tudo era só felicidade
De casa eu só saía pro trabalho
E vinha quase louco de saudade
Meu bem você mudou demais comigo
E esta é a razão do meu protesto
Parece que só lembra que eu existo
Somente pra falar que eu não presto

Eu sei que é muito tarde...